Colégio de Presidentes encerra com debates sobre advocacia dativa e atendimento virtual dos fóruns

No Colégio de Presidentes de Subseções, o trabalho realizado pela OAB Paraná em favor da advocacia dativa foi destacado pelo conselheiro federal e diretor tesoureiro da OAB Nacional, José Augusto Araújo de Noronha. “Se existe algo que precisa ser enaltecido é o programa de advocacia dativa da OAB Paraná. A atual gestão conseguiu triplicar os valores liberados pelo governo do estado para pagamento de honorários, bem como o número de advogados inscritos. Sabemos do grande esforço feito pela seccional em defesa dos advogados dativos. Cabe a nós, dirigentes, ter o compromisso de sempre fazer a defesa desse programa. Ele é o suprassumo, nenhum outro estado desenvolve um trabalho como esse”, enfatizou Noronha.

Os presidentes de subseções se manifestaram e também reconheceram o esforço dos dirigentes da OAB em sempre aprimorar o programa em benefício dos advogados. “É uma tarefa árdua, os dividendos são indiretos, mas essa atuação vem sendo feita com brilhantismo em favor da advocacia e de toda a sociedade”, disse o atual presidente da Comissão da Advocacia Dativa, João Guilherme Duda.

Atendimento virtual

Outro tema debatido durante a tarde foram os julgamentos virtuais e as dificuldades enfrentadas pela advocacia em relação aos atendimentos pelas varas e magistrados. Os presidentes de subseções discorreram sobre situações pontuais em suas comarcas.

O presidente Cássio Telles lembrou que as reclamações dos advogados foram levadas ao Tribunal de Justiça e expôs as iniciativas para cobrar agilidade, como por exemplo o SOS Alvará, contra a demora na expedição de alvarás de honorários pelos magistrados.

Cássio Telles propôs um dos posicionamentos do colégio: que os cartórios judiciais instalem imediatamente o balcão de atendimento virtual e que esse balcão permaneça aberto durante o horário de expediente, das 12h às 19h, sem a necessidade de mandar e-mail ou whatsapp. “Existe plataforma para isso. Não tem problema ficar na fila, assim como no presencial. Vemos que os tribunais regulamentaram tudo, mas para dentro, para eles. Não viram o advogado e o jurisdicionado. Não ter o balcão virtual aberto é a negação da justiça”, afirmou Telles.

Encerramento

No encerramento das atividades do Colégio de Presidentes, Cássio Telles convidou a todos para participar da Campanha do Laço Branco, no próximo domingo (6), Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres. Representantes de várias instituições do sistema de Justiça estarão participando de uma live, a partir das 11h. Foi exibido um vídeo da campanha, com a participação de diretores, conselheiros e membros de comissões da OAB.

Também foi entregue aos presidentes uma láurea de reconhecimento e cada subseção foi presenteada com um notebook para as atividades administrativas. A láurea e o laptop também serão enviados aos que participaram da reunião de forma remota.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *