Parlatórios Virtuais: SESP e Depen disponibilizam ferramenta inovadora a favor da advocacia

Advogados criminalistas de todo o Paraná já têm acesso ao Parlatório Virtual, onde podem agendar consultas on-line com seus clientes. A ferramenta disponibilizada pela Secretaria da Segurança Pública e pelo Departamento Penitenciário do Paraná (Depen) pode ser acessada na aba “Atendimento Virtual – OAB-PR” do portal http://www.depen.pr.gov.br/

Nesta seção, o advogado encontrará as opções “Acesso ao Agendamento“, onde poderá solicitar o contato com o cliente por e-mail, de acordo com a unidade onde está detido, e “Acesso às Salas Virtuais“, onde as videoconferências poderão ser realizadas em tempo real diretamente do escritório dos advogados e advogadas. Uma vez agendada a videoconferência, basta inserir o nome e o registro da OAB e um funcionário do Depen irá colocar o cliente em contato com o advogado no horário previsto.

A ferramenta é fruto de um trabalho conjunto entre o Estado e a OAB Paraná, por meio da Diretoria de Prerrogativas e das comissões da Advocacia Criminal, de Defesa das Prerrogativas Profissionais e da de Defesa dos Direitos Humanos. “É uma iniciativa pioneira no Brasil, que estamos trabalhando há bastante tempo. Os atendimentos serão feitos dessa forma a partir de agora: é uma ferramenta nova que veio pra ficar”, frisou o diretor de Prerrogativas da seccional, Alexandre Salomão.

“ OAB se prontificou a auxiliar no aperfeiçoamento da ferramenta futuramente, utilizando o sistema da própria Ordem para segurança na identificação dos usuários. A ideia é que no futuro os internos possam solicitar a seus advogados a realização do atendimento também. Essa medida vai economizar tempo e o deslocamento, permitindo que advogados do interior se comuniquem com os clientes da capital e vice-versa”, adiantou Salomão, frisando que no futuro a ferramenta deverá ser disponibilizada também para as carceragens de delegacias sobre administração do Depen.

Fonte: OAB Paraná

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *